Curiosidades: dinheiro!

Você sabia...

Nos primeiros tempos da civilização, ninguém precisava de dinheiro. Os problemas começaram a surgir quando os homens passaram a viver em sociedade. Valia tudo: sal, tijolos, dentes de cachorro ou pedaços de bambu. Tudo era moeda de troca. Foi na Lídia, um pequeno país da Ásia Menor, que se iniciou a cunhagem de moedas, em ouro, prata, cobre, bronze e outros metais. Outros países copiaram e aperfeiçoaram o sistema. Grécia e Roma colocaram símbolos nacionais nas moedas. A primeira moeda de prata de valor e peso definidos surgiu no século 7 antes de Cristo na ilha grega de Egina. Alexandre, o Grande, que reinou na Macedônia, foi o primeiro homem a ter sua efígie gravada numa moeda, no ano 330 antes de Cristo.

Apesar de serem utilizadas moedas na Europa na época do descobrimento do Brasil, o comércio daquele tempo era quase todo feito à base de trocas. As “moedas” mais valiosas eram o fumo, o açúcar e o algodão, produtos que vários países precisavam. As moedas de verdade só surgiram no Brasil durante o reinado de D. Pedro II, e o nome do dinheiro era o mesmo de hoje, real, que era a moeda usada em Portugal. As moedas podiam ser de ouro (dobrão), de prata (pataca) e bronze (vintém). O plural de real era réis e um milhão de réis era chamado de um “conto” de réis.

Algumas curiosidades sobre o assunto...

  • A moeda de 10 centavos de real estava pronta para circular e teve que ser trocada. É que, na primeira versão, Dom Pedro Primeiro aparecia empunhando a espada com a mão esquerda. Alguém viu à tempo que o imperador brasileiro foi retratado erguendo a espada com a mão direita, mesmo sendo canhoto, no célebre quadro de Pedro Américo.
  • Na troca do Cruzeiro real para o Real, nove bilhões de reais foram para os bolsos dos brasileiros e o equivalente a 18 bilhões de dólares ficaram nas caixas-fortes do Banco Central, espalhadas como reserva pelas principais capitais.
  • Em Brasília, a sede do Banco Central tem uma caixa-forte de 3 mil metros quadrados enterrada no sexto subsolo.
  • Se fossem colocadas uma sobre a outra, as 300 mil caixas com 1 bilhão e meio de novas cédulas de real formariam um pilha duas vezes mais alta que o monte Everest.
  • Quanto custa fazer uma moeda de 1 centavo? A Casa da Moeda do Brasil responde: o milheiro sai por 41 reais e 25 centavos. Isso dá pouco mais de 4 centavos por moedinha.
Share on Google Plus

About Alexandre Ferreira

Blog do comunicador Alexandre Ferreira - Jornalista, Radialista e Professor Universitário.

6 comentários:

fabiano disse...

ola querido da radioglobo sendo acusado de furto pela minaex mulher sou inosente queria pedi a vc advgado para min poder provar que nao pegei nada pelo amor deus me ajude com advgado.

don russao disse...

ola querido da radioglobo sendo acusado de furto pela minaex mulher sou inosente queria pedi a vc advgado para min poder provar que nao pegei nada pelo amor deus me ajude com advgado.

don russao disse...

ola querido da radioglobo sendo acusado de furto pela minaex mulher sou inosente queria pedi a vc advgado para min poder provar que nao pegei nada pelo amor deus me ajude com advgado.

don russao disse...

ola querido da radioglobo sendo acusado de furto pela minaex mulher sou inosente queria pedi a vc advgado para min poder provar que nao pegei nada pelo amor deus me ajude com advgado.

don russao disse...

ola querido da radioglobo sendo acusado de furto pela minaex mulher sou inosente queria pedi a vc advgado para min poder provar que nao pegei nada pelo amor deus me ajude com advgado.

don russao disse...

ola querido da radioglobo sendo acusado de furto pela minaex mulher sou inosente queria pedi a vc advgado para min poder provar que nao pegei nada pelo amor deus me ajude com advgado.