Mensagem: Um dia eu vou...

(Hyrum W. Smith, em "O que mais importa")

Você alguma vez se pegou dizendo: “Um dia vou escrever um livro... ou viajar pelo mundo, compor uma sinfonia...”, ou qualquer outra coisa do gênero? Não foi só você que fez isso.


Quase todos nós fantasiamos sobre algo que gostaríamos de fazer um dia. Uns gostariam apenas de ter mais tempo para dedicar à família ou aos amigos; outros de trabalhar em algo diferente, ou desenvolver um hobby, um talento.

Seja como for que você complete a frase – “um dia eu vou...” - saiba que os sonhos e sentimentos a respeito do que gostaria de fazer são pistas importantes para a identificação do que realmente é mais importante para você.

E se é importante, comece desde já...

Lembre-se, a cada manhã: quando o despertador toca, você tem uma nova oportunidade de fazer o que quer com as horas à sua frente. Diariamente você recebe uma lousa nova, sem nada escrito. Você pode ter 10, 20, 30, 50 anos de vida pela frente; e como você vai usar esse tempo?

O que você vai fazer com o resto da sua vida? Vai continuar a se enganar, achando que algum dia terá tempo para fazer alguma das coisas que realmente são importantes para você? Na verdade, isso nunca acontecerá, a menos que você decida que esse tempo é hoje.

A verdadeira realização na vida acontece quando respondemos com honestidade às seguintes perguntas:
- o que é mais importante para mim?
- o que eu gostaria verdadeiramente de realizar?
- que legado eu gostaria de deixar?

O desafio é descobrir o que queremos, o que gostaríamos de fazer e, então, começar a trabalhar diariamente para realizar nossos desejos.

Não importa se temos, 20, 35, 50, 75 anos, ou mais. O que precisamos fazer é decidir quando vamos começar a trabalhar para conseguir o que queremos.

Comece já!... Neste domingo, eu quero dizer que eu acredito em você!
Share on Google Plus

About Alexandre Ferreira

Blog do comunicador Alexandre Ferreira - Jornalista, Radialista e Professor Universitário.

3 comentários:

Anônimo disse...

Alexandre. Parece incrível mas é como se isto fosse escrito para mim. Especialmente hoje. Acordei após uma péssima noite onde não dormi e só fiquei pensando na vida e liguei o rádio como de costume. E pegeui você lendo isto como se fosse a resposta da vida as minhas dúvidas. Acho que você foi um intrumento, o portador de uma mensagem para mim. Obrigado Amigo. Marcio Petropolis.

Cesar Butturini Frambach disse...

Cesar Butturini Frambach
29/03/2010 - 13h25m
"UM DIA EU VOU"... Hoje, já com uma idade avançada, penso no passado. Como eu tinha ideais, ideais que eu gostaria de as ter cumprido! Nunca consegui editar um livro e nem rascunhar um... Viajar, viajei não pelo MUNDO, mais onde pude viajar. De fato, diz o autor "Quase todos nós nos fantasiamos, sobre algo que gostaríamos de fazer um dia. Uma coisa que Deus me ajudou e eu consegui, viver com minha esposa casado s´por 54 anos. Foi um ideal cumprido, como foi bom, nos amamos muito!

Estamos vivo, com meus quase 80 anos, vivo e penso em ainda realizar muitas coisas. Vamos começar agora? Não. Já começamos de muito e esperamos que Deus nos deixe realizar todos os meus ideais. Porque? Eu acredito no CRIADOR!

miroslava disse...

Alexandre, voce já reparou naquela propaganda na TV em que um rapaz acorda e a primeira coisa que ele faz, ainda sentado na cama, é pegar da cabeceira uma lista elaborada por ele com o título:"Hoje é o último dia da minha vida" ou algo semelhante e lá vai ele viver o dia como se fosse o último. O comercial, voce sabe que nem sei do que é? Porque a mensagem foi tão intensa que ao final do reclame, ou seja, ao final do seu dia (tão intenso de aventuras) ele dorme para no dia seguinte repetir tudo (ou não) o que fez de véspera com a tal lista entitulada "Hoje é o meu último dia". Incrível, não?Bjs.