Que voltagem máxima suporta o ser humano?

Durante um choque o que importa não é a voltagem, que é a diferença de potencial elétrico entre um ponto e outro, e sim a amperagem, que é a intensidade da corrente elétrica. Por uma lâmpada de 100 Watts passa, por exemplo, uma corrente de cerca de 900 miliampères. Ao receber o choque a pessoa funciona como uma ponte que transporta a corrente elétrica, já que o corpo humano, formado em grande parte por água e sal, é um bom condutor de eletricidade. O organismo é capaz de sentir uma corrente a partir de 1 miliampère, a partir daí até 9 miliampères, ocorrerá um processo ligeiramente doloroso. De 9 a 20 miliampères, além da dor, perde parte do controle muscular e não consegue largar o condutor. Acima disso, os problemas passam a ser mais graves, podendo causar a morte. Uma corrente de 75 miliampères produz a contração dos músculos do pulmão, provocando deficiência do sistema respiratório. Acima disso, a descarga elétrica é uma arma cardíaca.
Pessoas com as mãos calejadas e secas são muito menos afetadas por um choque que uma com mãos finas e úmidas.
Share on Google Plus

About Alexandre Ferreira

Blog do comunicador Alexandre Ferreira - Jornalista, Radialista e Professor Universitário.

1 comentários:

Maxsuel Siqueira disse...

Interessante... gostei do post!